Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 23 DE MAIO DE 2018

Email
HOME
QUEM SOMOS
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  23/05/2018   Faurecia inova na terceirização de compras reduzindo custos e aumentando a performance - Com modelo inovador foi possível alcançar um sav...     23/05/2018   O televisor da Copa do Mundo pode se tornar o lixo eletrônico de amanhã - Os brasileiros querem mesmo assistir aos jogos da Copa do Mundo...     23/05/2018   Roubo de carga causa prejuízo de R$ 1,5 bilhão ao Brasil - Nos últimos quatro anos, número de casos cresceu 49% e perdas superaram 56%.     23/05/2018   DNIT participa da XII Feira do Livro de São José dos Ausentes - A XII Feira do Livro de São José dos Ausentes (RS) foi realizada entre os...     23/05/2018   Multilog anuncia investimento em transformação digital durante StartUp Weekend 2018 de Balneário Camboriú - A transformação digital chega...     23/05/2018   Ministério da Cultura e Instituto CCR oferecem espetáculos do Buzum! em Vinhedo - O Buzum!, companhia de teatro de bonecos sobre rodas ap...     23/05/2018   BR-163/MS: CCR MSVia divulga trechos em obras e serviços de melhoria - A CCR MSVia informa nesta terça-feira (22/05) os locais da BR-163/...     23/05/2018   Maio Amarelo – Empresa de Tatuí recebe palestra da CCR SPVias sobre direção defensiva - A CCR SPVias, empresa fiscalizada pela ARTESP (Ag...     23/05/2018   Obras de Duplicação da SP-225 avançam em Espírito Santo do Turvo - Motorista deve ficar atento a alterações no tráfego; desvio em operaçã...     23/05/2018   Melhor Envio é uma das 16 empresas escolhidas pela Endeavor para Scale Up 2018 - O programa conecta empreendedores com uma rede de mentores.  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

11/01/2018

Dezembro fecha 2017 com 3% de aumento na movimentação total de cargas em Itajaí

Logística

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

?

0 votos

O Complexo Portuário de Itajaí encerrou o ano de 2017, com base no último mês, em dezembro, com um moderado avanço na movimentação geral de cargas e escalas atracadas. Índices positivos relacionados à Balança Comercial foram destaque e como previsto pela Assessoria de Direção da Superintendência, seu desempenho foi significativo, mesmo enfrentando um ano de crise econômica brasileira.

De acordo com o relatório final de estatísticas, em dezembro foram registrados 85 escalas de navios atracados, sendo 21 escalas na APM Terminals. No acumulado do ano, 959 navios atracaram no Complexo Portuário de Itajaí.

No item de movimentação de cargas, em dezembro foram movimentadas 1.027.928 toneladas e em específico, na margem direita do rio, na APM Terminals, foram movimentadas 205.435 toneladas. No acumulado do ano, nos doze meses de 2017, foram movimentadas em todo o complexo 12.436.380 milhões toneladas, originando-se num crescimento de 3% em relação ao mesmo período de doze meses do ano de 2016, quando na época resultaram na movimentação de 12.049.551 toneladas.

Quanto ao número de contêineres movimentados, no segmento de cargas contêinerizadas, dezembro registrou no total do complexo 90.435 TEU’s (Twenty Foot Equivalent Unit – unidade internacional equivalente a um contêiner de 20 pés de comprimento), sendo na APM Terminals 19.070 contêineres. No acumulado do ano, em 2017 foram movimentados 1.119.271 milhão contêineres em todo o complexo portuário, apresentando um crescimento de 2% em relação a 2016.

De acordo com o Assessor de Direção da Superintendência, Héder Cassiano Moritz, os números de dezembro demonstraram sua característica de final de semestre e no fechamento de 2017, o Porto de Itajaí ficou dentro de sua expectativa, “Dezembro apresentou uma leve recuperação em relação aos outros meses do segundo semestre. Já em 2017, na sua totalidade, podemos dizer que ficou dentro de nossa expectativa, embora aguardávamos um crescimento maior, mas mesmo assim em função da própria economia, entendemos que os números foram importantes. Na margem direita por exemplo (APM Terminals), o crescimento foi mais acentuado em função da recuperação dos serviços de algumas linhas de armadores”, destacou Héder.

Para o Superintendente do Porto de Itajaí, Engº Marcelo Werner Salles, o ano de 2017 apresentou inúmeras adversidades, embora o desempenho do complexo portuário tenha se mantido na competição da atividade portuária, “Tivemos fatos que nunca haviam ocorrido antes como enxurradas extemporâneas fora de época, sofremos ciberataques de Hackers que invadiram o sistema afetando nossas operações, houve troca de sistema de softwares em terminais (TUPs) vizinhos, enfrentamos greves de caminhoneiros, a própria economia do país afetaram a atividade portuária, entre outras dificuldades, mas mesmo assim superamos estas adversidades e conseguimos fechar 2017 com 3% no crescimento de tonelagem e 4% em movimentação de cargas conteinêrizadas. De certa forma, esses números são positivos para Itajaí e acima de tudo importante para o Estado de Santa Catarina, pois mais de 80% da carga que sai é pelo nosso complexo, sendo assim não só geramos empregos na nossa cidade e região, mas também geramos empregos em todas as regiões do Estado. Acho que isso deixa todos nós com aquele sentimento de dever cumprido e com a obrigação de fazer melhor agora neste ano de 2018”, analisa Salles.

No Terminal PORTONAVE (Navegantes), 61 escalas foram registradas no mês de dezembro e sua movimentação total de cargas foi de 811.284 toneladas com 71.365 TEU’s movimentados, representando um crescimento de 1% em relação ao mesmo período do ano passado quanto à movimentação total de cargas. Foram contabilizados 669 navios atracados no acumulado dos doze meses no terminal de Navegantes.

Os demais terminais privativos registraram as seguintes movimentações de navios e cargas no mês de dezembro: BRASKARNE (2 escalas) com 7.209 toneladas – TEPORTI (0 escalas), sem movimentação de cargas. O destaque ficou com a POLY TERMINAIS (1 escala) com movimentação de 4.0000 toneladas em dezembro e elevou a sua movimentação acumulada do ano para 39.271 toneladas com aumento de 219%, tendo como base na movimentação de cargas em relação ao mesmo período de dezembro do ano passado.

Na totalização da movimentação da Balança Comercial, o acumulado do ano de 2017 (12 meses) destacou o Complexo Portuário de Itajaí com uma excelente recuperação nas exportações e importações com US$ 13.212.627.000 bilhões, sendo US$ 6.883.800,000 bilhões em exportações e US$ 6.328.827,000 bilhões em importações tendo um saldo para o complexo de US$ 554.973.000 milhões. Já na corrente de Comércio Exterior, o Porto de Itajaí teve sua participação no Estado de Santa Catarina em 62,63% e no Brasil ocupou uma fatia de 3,59% também referente ao ano de 2017.

No sentido de cargas em “toneladas”, os números de Operações de Exportação e Importações mantiveram-se iguais (Exportação: 62% 2016 e 2017:62%) – (Importação: 38% 2016 e 2017: 38%). “Esses números demonstram uma participação significativa que demonstram exatamente que a movimentação efetuada no complexo portuário apresenta um valor agregado expressivo”, acrescentou Héder Cassiano Moritz.

Num comparativo entre 2016 e 2017, os principais produtos exportados no acumulado do ano que tiveram crescimento foram: Frango (11,95%), Alimentos em geral (33,7%), Maçã (129,2%), Plásticos e Borrachas (31,8%) e Têxteis diversos (19,1%). Nas mercadorias importadas o destaque do acumulado do ano foi: Peixes (8,2%), Alimentos em geral (18,6%), Produtos Químicos (20,6%), Papel e derivados (29,2%), Têxteis diversos (28,3%0) e Mecânicos e Eletrônicos (18%).

Para 2018, a diretoria da Superintendência do Porto de Itajaí vê com otimismo o aumento dos números do complexo. Com o berço 3 do porto público concluído e pronto para receber escalas de navios com suas devidas movimentações, aguardam se ainda a conclusão das obras do berço 4 e a finalização das obras da primeira etapa da nova Bacia de Evolução, obras estas a serem entregues ainda dentro do primeiro semestre deste ano. Motivos não faltam para acreditar e dar sequência a retomada da atividade portuária de Itajaí, “As perspectivas são as melhores. Considerando que ainda não estamos atendendo navios com 335 metros e que já operam na costa brasileira, ou seja, que operam no segmento de cargas conteinerizadas em outros complexos como São Francisco do Sul, Imbituba, Paranaguá, entre outros portos e que ainda não vieram para o Porto de Itajaí, assim que virem certamente contribuirão para o aumento do crescimento das cargas de contêineres. Teremos ainda num futuro não tão distante a possibilidade de receber e operar navios de 335 e 365 metros” destaca Héder.

“2017 foi um ano de recessão e mesmo assim conseguimos crescer. Especificamente na área do porto público creio que foi extremamente importante. Com o berço 3 concluído e em fase de concluir as obras do berço 4, nosso objetivo agora é voltar a ter as instalações 100% aptas para atracações de navios na margem direita do rio. Estamos fazendo um grande trabalho junto à ANTAQ (Agência Nacional de Transportes Aquaviários), para que ela nos auxilie em nível tarifário e assim termos uma condição de equilíbrio da nossa situação financeira e com isso implementar novas melhorias no porto que se fazem necessário. Afirmo que foi um ano de muitos desafios e que mais uma vez conclamamos a comunidade portuária a efetivamente nos ajudar porquê ninguém faz nada sozinho. Acredito que se somarmos nossas forças e nos unirmos, cada vez mais conseguiremos vencer todas as adversidades que ainda teremos e os novos desafios que estão por vir”, conclui Salles.

No mês de dezembro foram registrados 42 horas de impraticabilidade da barra em função de ocorrência de ondas e ventos acima dos limites operacionais. O cancelamento de 5 escalas de navios foi decidido por conveniência do armador.

Fonte: Porto de Itajaí

 

Por Porto de Itajaí

 

Qual a sua avaliação?

0 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Compartilhar

Clique para ampliar

Leia Também

BR-163/MS: CCR MSVia divulga trechos em obras e serviços de melhoria

Obras de Duplicação da SP-225 avançam em Espírito Santo do Turvo

CCR ViaOeste obtém liminar contra bloqueios no Sistema Castello-Raposo

Transvip Brasil investe no transporte de cargas especiais

Triunfo Transbrasiliana obtém liminar contra bloqueios de caminhoneiros na BR-153/SP

Faurecia inova na terceirização de compras reduzindo custos e aumentando a performance

O televisor da Copa do Mundo pode se tornar o lixo eletrônico de amanhã

Roubo de carga causa prejuízo de R$ 1,5 bilhão ao Brasil

DNIT participa da XII Feira do Livro de São José dos Ausentes

Multilog anuncia investimento em transformação digital durante StartUp Weekend 2018 de Balneário Camboriú

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística